Flamengo goleia Madureira pelo campeonato carioca

Flamengo goleia Madureira pelo campeonato carioca

Com a vitória, o rubro-negro assume novamente a liderança do torneio
|

Em ritmo de treino, mas com muita intensidade e volume de jogo, o Flamengo venceu o Madureira por 5x1 no estádio da Cidadania (Raulino de Oliveira), em Volta Redonda, pela 8a rodada do campeonato carioca.


Everton ribeiro filipe luis gabigol flamengo madureira carioca 05 04 2021


Foto: MArcelo Cortes / Flamengo


Com 19 pontos, O Flamengo volta à liderança do torneio por pontos corridos, seguido pelo Volta Redonda, que tem o mesmo número de pontos, mas fica com a 2ª colocação pelo saldo de gols. Completam o G4 do “cariocão” a Portuguesa-RJ em 3º com 14 pontos e o Botafogo em 4º, com 11 pontos.   


O Primeiro tempo

Antes mesmo do primeiro gol, o Flamengo já mostrava muita intensidade no ataque, que teve um gol mal anulado e duas bolas na trave. Mas o Madureira também atacava, levando perigo ao goleiro Diego Alves, que teve trabalho na sua volta ao time, após se recuperar de contusão.


O primeiro gol da equipe da gávea saiu aos 17 minutos, com Gabigol marcando em pênalti sofrido por Bruno Henrique. O segundo gol saiu pouco tempo depois, aos 21, com Gérson aproveitando de primeira um cruzamento de Filipe Luis, um dos destaques da partida.


Aproveitando o rebote de escanteio, Gabigol fez o terceiro do Flamengo e o seu segundo da noite aos 28 minutos, se igualando a Renato Abreu como maior artilheiro do Flamengo no século 21, com 73 gols.  


Gabigol durante partida do flamengo em volta redonda

Foto: Divulgação CRF


Diego fez o quarto gol do Flamengo com um chute de fora da área, após troca de passes do ataque rubro-negro aos 43 minutos. Foram 19 chutes ao gol do Madureira, com 69% de posse de bola e 94% de passes certos da equipe rubro-negra no 1º tempo.


O Segundo tempo

A segunda parte do jogo começou parecendo o primeira. Pressão e movimentação no ataque, com marcação alta da defesa. Mas as finalizações da etapa inicial deram lugar ao excesso de passes na entrada da área do Madureira, que fez seu gol de honra aos 13 minutos, com L.P.S. de Lima, de cabeça em jogada de escanteio.


Logo depois, aos 20 minutos, Arrascaeta fez o quinto gol do Flamengo após assistência de Gérson. Na sequência, Rogério Ceni começou a poupar os titulares, colocando Bruno Viana no lugar de Rodrigo Caio, que fez sua primeira partida na temporada após e recuperar de contusão.


Aos 30 minutos, outros 3 titulares foram substituídos: Everton Ribeiro, Diego e Gérson cederam lugar para o artilheiro da equipe no campeonato Rodrigo Muniz, João Gomes e Hugo Moura respectivamente, todos da base do Flamengo, que participaram das primeiras rodadas do campeonato. O Madureira, que já tinha feito duas substituições no intervalo, trocou outros dois jogadores na tentativa de equilibrar um pouco mais o jogo.


A quinta última substituição do Flamengo aconteceu aos 36 minutos, com Vitinho entrando no lugar de Isla. Já nos acréscimos, o clima esquentou entre as equipes e, em um princípio de confusão, o juiz distribuiu cartões amarelos para ambos os times, após desentendimento entre Gabigol e o zagueiro do Madureira.


No lance seguinte, uma entrada violenta do lateral do Madureira em Bruno Henrique causou outro tumulto, que acabou com a expulsão do agressor e cartão amarelo para o atacante rubro-negro. 


O jogo acabou com 78% de posse de bola para o Flamengo, que finalizou um total de 27 chutes ao gol do Madureira. O próximo jogo do Flamengo pelo Carioca acontece no dia 14 contra o Vasco, enquanto o Madureira encara o Macaé, no dia 10.


Antes do confronto contra o rival, O Flamengo defende o título da Supercopa do Brasil em jogo único contra o Palmeiras, no próximo Domingo, dia 11, as 11 horas da manhã, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.