Rodada NBA: noite tem times no play-in em ação e Westbrook fazendo história

Rodada NBA: noite tem times no play-in em ação e Westbrook fazendo história

Wizards, Pacers, Grizzlies, Spurs e Warriors jogaram para se manter na zona de play-in. Já Russel Westbrook se tornou o jogador com mais triplos-duplos da história da liga.
|

Na noite desta segunda-feira (10/05), seis jogos movimentaram as quadras da NBA. Muitas equipes que estão no play-in queriam a vitória para se manter nessa zona, mas nem todas conseguiram.


Warriors e Jazz se enfrentaram em San Francisco em um grande duelo pela Conferência Oeste. Com a melhor campanha da Liga, Utah ainda luta para ter o mando de quadra até uma eventual final. Já para os Warriors, a vitória confirmaria, pelo menos, a vaga no play-in. O 1º tempo foi igual e só no fim do 2º quarto, Golden State conseguiu abrir uma pequena vantagem de 5 pontos. E o 2º tempo foi alucinante. E emocionante.


Curry   10.5   site nba.com warriors

Foto: nba.com/warriors


No 3º quarto, Stephen Curry, Jordan Poole e Kent Bazemore aumentaram a vantagem dos Warriors. No 4ª quarto a diferença chegou a 18 pontos, mas Jordan Clarkson, que não fez um grande 1º tempo, esquentou a mão, melhorou o ataque de Utah num todo e colocou o time à frente por um ponto com 1:47 no relógio. Mas Curry fez cesta de 3 decisiva faltando poucos segundos e colocou os Warriors de novo na liderança. No último lance do jogo, Jordan Clarkson tentou empatar o jogo, mas falhou.


Clarkson foi o cestinha do jogo com 41 pontos. Nos Warriors, o maior pontuador foi Curry, com 36 pontos. Com a vitória, e a derrota dos Pelicans, Golden State garantiu, pelo menos, a vaga no play-in. O Jazz permanece em 1º no Oeste e com a melhor campanha da NBA.


Em Atlanta, teve duelo de times da Conferência Leste. Os Hawks, 5º colocado no Leste, enfrentaram os Wizards, que vem numa campanha de recuperação e ocupam a 10ª colocação, a última da zona de play-in. A partida foi equilibrada até o 3º quarto, quando Atlanta abriu boa vantagem no placar. Mas no 4º quarto, os Wizards melhoraram a defesa, enquanto Robin Lopez e Russel Westbrook pontuavam para diminuir a diferença. Mas a reação não foi suficiente para a vitória de Washington. Final: 125 x 124 Hawks.


O maior pontuador do jogo foi Trae Young, com 36 pontos, mas o grande destaque, mais uma vez, foi Russel Westbrook. Com 28 pontos, 21 assistências e 13 rebotes, o armador conseguiu mais um triplo-duplo, o 182º da carreira, e tornou-se o jogador com maior número de triplos-duplos na história da NBA. Agora, resta saber quantos mais ele fará até sua aposentadoria.



O San Antonio Spurs, 10ª colocado no Oeste, recebeu os Bucks sob pressão, pois uma derrota poderia representar a perda da última posição na zona de play-in, caso os Pelicans vencessem os Grizzlies. E o pior era enfrentar o 3º lugar no Leste e que vinha de cinco vitórias seguidas. O jogo coletivo dos Spurs prevaleceu sobre a força física dos Bucks e de Antetokounmpo, e vitória veio por 146 x 125. O grego foi o cestinha do jogo, com 28 pontos, mas San Antonio teve sete jogadores com 10 pontos ou mais. O resultado não trouxe mudanças na posição das equipes, mas serviu para o time de Gregg Popovich conseguir um respiro.



Confira abaixo os demais resultados da noite:


Memphis Grizzlies 115 x 110 New Orleans Pelicans

Cleveland Cavaliers 102 x 111 Indiana Pacers

Portland Trail Blazers 140 x 129 Houston Rockets