Matheus Barreto, promessa do Wrestling, se divide entre treinos e trabalho em barraca de brinquedos na porta do Zoológico do Rio

Matheus Barreto, promessa do Wrestling, se divide entre treinos e trabalho em barraca de brinquedos na porta do Zoológico do Rio

Seleção brasileira embarcou ontem para o México para disputar o Pan-Americano Cadete e Júnior
|

Matheus Barreto, menino de 18 anos, magrinho, mirrado, parece apenas um inofensivo vendedor oferecendo brinquedos e bichos de pelúcia às crianças que passam pela Quinta da Boa Vista rumo ao Zoológico do Rio de Janeiro. Mas quando pisa no tapete olímpico, se torna uma fera.


O jovem lutador é uma das principais promessas da seleção brasileira de wrestling, que embarcou ontem rumo a Oaxtepec, no México, para disputar o Pan-Americano Cadete e Júnior do esporte. Ele sustenta seu sonho de viver de esporte ajudando seus pais na barraca de brinquedos, localizada pouco antes da entrada do Zoológico, aos fins de semana.


Matheus Barreto   Zoolu00f3gico

Matheus Barreto posa à frente da barraca de brinquedos em que trabalha aos fins de semana com a família — Foto: Adriano Albuquerque


- O dinheiro que eu tiro aqui aos fins de semana me ajuda a me manter durante a semana, a ir para os treinos. Compro uma sapatilha, compro acessórios pra mim. Alimentação, roupa de treino também - contou o rapaz.


Durante a semana, Matheus Barreto treina duas vezes por dia, às vezes até três, na academia Nova União, com o treinador Daniel Piratiev, ex-seleção brasileira. Lá, ele não só pratica, como puxa as atividades para outros atletas da seleção e lutadores de MMA, incluindo gente com passagem pelo UFC como Léo Santos, Matheus Nicolau e Luana Pinheiro.


Matheus Barreto   wrestling

Matheus Barreto derruba um companheiro de treino durante uma sessão na academia Nova União — Foto: Ingrid Jacobsen/Divulgação


Atleta do estilo livre, Barreto foi campeão e Atleta Destaque da seletiva nacional, disputada em Rio Bonito-RJ, em maio. Lutando na categoria Júnior, até 57kg, venceu rapazes até dois anos mais velhos. Na decisão, bateu Bryan Lucas, que tem experiência na seleção principal e é outra grande promessa da modalidade.