Surf WSL: Em final brasileira, Filipinho bate Medina e é campeão no Surf Ranch Pro

Surf WSL: Em final brasileira, Filipinho bate Medina e é campeão no Surf Ranch Pro

No feminino, a brasileira Tatiana Weston-Webb terminou na 3ª colocação e a campeã foi a francesa Johanne Defay, que bateu a atual campeã mundial Carissa Moore na final.
|

Neste domingo, 20/06, o último dia de competições na etapa do Surf Ranch Pro da WSL, o Brasil dominou a final masculina com Gabriel Medina e Filipe Toledo se enfrentando pelo título da etapa. Com uma performance incrível na onda para a direita, que rendeu uma nota 9.67, Filipinho bateu o atual líder do ranking mundial e tornou-se campeão da etapa do Surf Ranch Pro.


20.06   wsl 2

Foto: Screeshot/Site WSL


Nas semifinais, o Brasil também foi dominante e, além de Medina e Toledo, contou com Adriano de Souza, o Mineirinho, que terminou no 5º lugar, e Yago Dora, que surfou muito bem durante os 3 dias e ficou na 6ª colocação.


No feminino, a brasileira Tatiana Weston-Webb chegou às semifinais e por 0.13 não se classificou à final, terminando a etapa do Surf Ranch Pro em 3º lugar.


Na final, Johanne Defay (FRA) bateu a atual campeã mundial Carissa Moore (HAV) por 16.07 x 15.90 e se tornou a campeã da etapa com merecimento, já que liderou a pontuação desde o 1º dia de competições.


Confira a classificação final no masculino e no feminino:


Masculino


1º - Filipe Toledo (BRA) – 17.94
2º - Gabriel Medina (BRA) – 10.60
3º - Kanoa Igarashi (JAP) – 16.93
4º - Griffin Colapinto (EUA) – 16.50
5º - Adriano de Souza (BRA) – 14.47
6º - Yago Dora (BRA) – 13.06
7º - Ethan Ewing (AUS) – 12.77
8º - Kelly Slater (EUA) – 11.53


Feminino


1ª - Johanne Defay (FRA) – 16.07
2ª – Carissa Moore (HAV) – 15.90
3ª – Tatiana Weston-Webb (BRA) – 15.77
4ª – Sally Fitzgibbons (AUS) – 15.33


A próxima etapa da WSL será de 10 a 20 de agosto, em Barra de La Cruz, no México.